Bem vindo ao nosso blog

Como se tornar um psicanalista?

A formação psicanalítica é constituída por três elementos essenciais:

Teoria
Análise pessoal
Supervisão
Também conhecidos como o tripé psicanalítico.

Teoria: A psicanálise é complexa e exige tempo e dedicação para ser compreendida.
A psicanálise só será devidamente assimilada com uma formação que exija do aluno empenho e muita leitura das obras clássicas da área.

Análise pessoal:

Freud desenvolveu o que é uma das bases da técnica psicanalítica na atualidade: a livre associação (foi um método utilizado por Freud, em substituição à hipnose, que consistia em deitar o paciente no divã e encorajá-lo a dizer o que viesse à sua mente).

A boa prática da psicanálise começa com a análise pessoal.
Todo analista, além de realizar a análise dos seus pacientes, também deve ser analisado por outro psicanalista. Dê preferência a cursos que orientem você não só a fazê-la, mas que procure realizá-la no aluno.

As sessões de análise pessoal podem ser feitas de duas formas:

Presencial: Onde você vai ao consultório do psicanalista.
Terapia online: Você não precisa se deslocar até o consultório, e pode fazer a terapia geralmente pelo Skype ou WhatsApp.
A terapia online é tão eficaz quanto a presencial e pode ser feita de casa, do trabalho, ou de qualquer lugar do mundo em que a pessoa se encontre.

Supervisão:

Além da formação teórica e da análise pessoal, é primordial também que o curso forneça a supervisão dos casos clínicos.
/

Aprender a lidar com a saúde mental e psíquica das pessoas é algo muito sério e você precisa estar qualificado para isso, por esse motivo, é essencial que o aluno seja supervisionado nos seus estágios clínicos.

Essa supervisão feita por um psicanalista experiente é primordial para que aluno tenha segurança e adquira a experiência necessária para a profissão que exercerá.

Concluído todo o curso de psicanálise, você recebe o certificado, que autentica o exercício do ofício de psicanalista.

Regulamentação:
O Psicanalista dentro das leis brasileiras é um profissional que trabalha em consultório, clínicas, escolas e outros, seguindo os postulados teórico-técnicos desenvolvidos por Freud ou pelos seus seguidores (neo-freudianos).
Os Psicanalistas no Brasil são formados através de CURSO LIVRES DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL, e são enquadrados na CLASSIFICAÇÃO BRASILEIRA DE OCUPAÇÕES (CBO) do MINISTERIO DO TRABALHO, Portaria número 397/MTE de 09/10/2002, sob número 2515.50 que reconhece e autoriza o exercício legal da atividade profissional do PSICANALISTA em todo o Território Nacional.

Fundamentalmente, o psicanalista pode atuar de três formas:

Atendimento individual
Em grupo
Em instituições

O mercado de trabalho do psicanalista é vasto: ele pode trabalhar em consultório ou clínica particular, hospitais e postos de saúde, além de empresas, ONG’s, indústrias, escolas, creches, varas judiciais, sistema penitenciário e em setores ligados à Assistência Social e Saúde, como os CAPS.

Sou obrigado por lei a me filiar a um Conselho ou Sociedade de Psicanálise?

Não, mas por questão de segurança e para evitar fraudes com o seu nome e também para dar mais segurança aos seus analisandos, RECOMENDA-SE filiar-se a uma entidade de Psicanálise idônea.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *